IPBeja em Portugal irá aceitar notas do Enem

 

As notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) passam a valer no Instituto Politécnico de Beja (IPBeja), na cidade de Beja, região do Alentejo, Sul de Portugal, conforme acordo com a instituição firmado dia 10 pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), que organiza a seleção.

O IPBeja oferece cursos em áreas pouco exploradas no Brasil, como os voltados para a produção de uva, de vinhos e oliveiras.

Os participantes do Enem poderão se candidatar a 95 vagas como estudantes internacionais. O processo se inicia em outubro e, a partir de 2016, haverá três fases de inscrição - fevereiro, junho e outubro. A candidatura custa 50 euros. A nota mínima para ingresso no instituto português deve ser definida até o fim deste mês.

O IPBeja oferece 16 graduações distribuídas em quatro grandes áreas: educação, saúde, agricultura e tecnologia. Entre os cursos estão o de viticultura e enologia, olivicultura e agropecuária mediterrânea.

Segundo o Inep, os selecionados pagam por ano 1,1 mil euros e podem concorrer a desconto na hospedagem residencial no campus, que pode custar até 150 euros por mês. A instituição tem como parceiras de ensino a distância 150 instituições europeias e intercâmbio de até seis meses com universidades de países da União Europeia.

Além do IPBeja, as universidades portuguesas de Coimbra e do Algarve aproveitam as notas do Enem para o ingresso de estudantes.

Neste ano, o Enem será nos dias 24 e 25 de outubro, cerca de 8,5 milhões fizeram a inscrição.


Voltar

Notícias

01 dez

Professor Nereu Milanese será o novo Presidente da APADE

01 dez

Veja quem foram os sócios sorteados para os imóveis do Litoral na temporada de verão

01 dez

Passe alguns dias nos imóveis do Litoral, enquanto a temporada de verão não chega

Mais notícias

Fone: (41) 3323.6493

Endereço: Rua Des. Ermelino de Leão, 15 - 8º Andar - Curitiba - Centro - 80410-230

Aniversariantes
© Copyright 2015, administraçao escolar curitiba - Todos os direitos reservados